Sin código de inicio Bubble FlutterFlow AppGyver

Todo lo que necesitas saber sobre los agentes de IA: guía definitiva

Tiempo estimado de lectura: 8 minutos

Descubra o fascinante mundo dos agentes de IA nesta guia completo! Aprenda desde o básico sobre inteligência artificial até a criação de aplicativos com IA sem a necessidade de codificação.

Quais são as diferentes categorias de IA?

As categorias de Inteligência Artificial (IA) variam e abrangem uma ampla gama de aplicações. Vamos explorar as principais categorias de IA.

IA para Textos

Primeiramente, os modelos de IA para textos são projetados para entender, gerar e manipular textos. Eles são amplamente utilizados em chatbots, assistentes virtuais e ferramentas de tradução. Alguns exemplos notáveis incluem:

  • GPT-4 da OpenAI
  • Gemini da Google
  • Claude da Anthropic
  • LLaMA do Facebook
  • Grok do Twitter

IA para Imagens

Além disso, os modelos de IA para imagens são usados para reconhecimento, geração e edição de imagens. Eles têm aplicações em áreas como diagnóstico médico, segurança e arte digital. Exemplos destacados são:

  • DALL-E da OpenAI
  • Stable Diffusion
  • MidJourney

IA para Áudio

Os modelos de IA para áudio são utilizados para reconhecimento de fala, síntese de voz e análise de áudio. Eles são essenciais em assistentes de voz e transcrição automática. Exemplos incluem:

  • Whisper da OpenAI
  • Modelos da 11 Labs

IA para Vídeo

Finalmente, os modelos de IA para vídeo são aplicados em reconhecimento de objetos, análise de movimento e geração de vídeos. Eles são usados em vigilância, entretenimento e mídia social. Exemplos são:

  • Runway
  • Stable Diffusion
  • Pick Labs

O que é um agente de IA?

Um agente de IA é um conceito central na área de inteligência artificial. Vamos entender melhor o que define um agente de IA.

Definição de Agente de IA

De acordo com a definição da Amazon, um agente de IA é um programa de software que pode interagir com seu ambiente, coletar dados e usar esses dados para executar tarefas e atingir objetivos pré-determinados.

Autonomia e Objetivos

Além disso, os agentes de IA são projetados para agir de forma independente. Eles recebem um input do usuário e escolhem as melhores ações para atingir a meta estabelecida.

Analogia com Agente de Viagens

Uma boa analogia para entender um agente de IA é compará-lo a um agente de viagens. O agente de viagens coleta diversas informações para criar um plano de viagem ideal para o cliente. Da mesma forma, um agente de IA utiliza várias ferramentas e dados para atingir seu objetivo.

Qual a arquitetura de um agente de IA?

A arquitetura de um agente de IA é composta de vários componentes essenciais. Vamos explorar esses componentes em detalhes.

Modelos de IA

Os agentes de IA dependem de modelos de IA robustos como GPT, LLaMA, Claude e Gemini. Esses modelos fornecem a base de conhecimento necessária para o agente.

Modelos Pré-Treinados

Os modelos pré-treinados, ou “fine-tuned”, são ajustados com dados específicos para melhorar a performance do agente em tarefas específicas.

Prompt Base

O prompt base é um conjunto de instruções que define as regras e a personalidade do agente. Ele orienta o agente sobre o que pode ou não fazer.

Memória de Longo Prazo

A memória de longo prazo permite que o agente mantenha o contexto de conversas anteriores, tornando-o mais eficiente e inteligente.

Bases de Conhecimento Extras

As bases de conhecimento extras incluem documentos, planilhas e outros dados específicos que o agente pode consultar para fornecer respostas mais precisas.

  • Arquivos PDF
  • Planilhas de Excel
  • Livros

Processo de Indexação

O processo de indexação transforma dados em vetores que são armazenados em bases de dados vetoriais. Isso permite que o agente busque informações de forma eficiente.

Ferramentas e Funções

As ferramentas e funções disponíveis para os agentes de IA permitem que eles realizem tarefas específicas, como acessar a internet ou fazer chamadas API.

  • Leitura de código
  • Acesso à internet
  • Chamadas API

Quais são os diferentes níveis de agentes de IA?

Os agentes de IA podem ser classificados em diferentes níveis, variando de simples a avançados.

Nível 0: Simple Reflex Agents

No nível mais básico, temos os Simple Reflex Agents. Estes agentes reagem a estímulos imediatos sem memória ou contexto.

  • Requisição única para LLM
  • Respostas rápidas e únicas
  • Sem contexto ou memória

Nível 1: Model-Based Reflex Agents

O próximo nível inclui agentes que possuem memória básica, permitindo conversas simples e com contexto limitado.

  • Chat simples com LLM
  • Memória de curto prazo
  • Contexto limitado

Nível 2: Retrieval-Augmented Generation (RAG)

No nível dois, os agentes podem acessar bases de conhecimento extras para fornecer respostas mais informadas.

  • Busca em bases de dados
  • Informações de PDFs, Excel, etc.
  • Objetivos específicos

Nível 3: Utility-Based Agents

Estes agentes têm a capacidade de executar ações mais complexas, como chamadas de API, integrando-se com outros sistemas.

  • Execução de ações via API
  • Integração com CRM e outros sistemas
  • Funções estruturadas

Nível 4: Learning Agents

Os agentes de nível quatro podem autoavaliar seus resultados e repetir ciclos para melhorar a qualidade das respostas.

  • Autoavaliação dos resultados
  • Repetição de ciclos para melhorar
  • Feedback interno

Nível 5: Multi-Agents

O nível mais avançado inclui múltiplos agentes colaborando para atingir um objetivo comum de forma eficiente.

  • Colaboração entre agentes
  • Auto feedback entre agentes
  • Objetivo comum

Qual o cenário atual dos agentes de IA?

O cenário atual dos agentes de IA está em rápida evolução, com avanços contínuos e novas aplicações emergindo.

Desenvolvimento de Ferramentas

Existem várias ferramentas sendo desenvolvidas para facilitar a criação de agentes de IA em diferentes níveis.

  • Ferramentas no-code
  • Plataformas de desenvolvimento
  • APIs especializadas

Aplicações Diversificadas

Os agentes de IA estão sendo aplicados em diversas áreas, desde atendimento ao cliente até automação de processos empresariais.

  • Atendimento ao cliente
  • Automação de processos
  • Soporte técnico

Evolução Rápida

Estamos apenas no início da jornada de desenvolvimento dos agentes de IA, com potencial disruptivo significativo.

  • Início da construção
  • Evolução acelerada
  • Potencial disruptivo

Qual a diferença entre um agente de IA e um chatbot tradicional?

Entender a diferença entre um agente de IA e um chatbot tradicional é crucial para escolher a solução adequada para suas necessidades.

Agentes de IA

Os agentes de IA utilizam inteligência artificial generativa e processamento de linguagem natural para interagir de maneira mais humana e eficiente.

  • Inteligência artificial generativa
  • Procesamiento natural del lenguaje
  • Respostas baseadas em contexto

Chatbots Tradicionais

Os chatbots tradicionais seguem um fluxo de conversação pré-definido, muitas vezes rígido, baseado em scripts de código ou blocos construídos manualmente.

  • Fluxos de conversação pré-definidos
  • Scripts de código
  • Interação limitada

Mescla de Tecnologias

Há uma tendência crescente de integrar chatbots tradicionais com tecnologias de IA para criar soluções mais robustas e adaptáveis.

  • Integração de IA em chatbots
  • Consultas a bases de conhecimento
  • Respostas mais precisas e informadas

Como utilizar agentes de IA em aplicações no-code?

Os agentes de IA são ferramentas poderosas que podem ser integradas em aplicações no-code para automatizar processos e melhorar a eficiência.

Integração via API

A integração de agentes de IA em plataformas no-code é frequentemente realizada por meio de chamadas de API. Isso permite a comunicação entre diferentes sistemas e a IA.

Com APIs, é possível conectar agentes de IA a diversas ferramentas e plataformas, como WhatsApp, Instagram, e sistemas personalizados criados no FlutterFlow o Bubble.

Ferramentas de Integração

Ferramentas de integração, como Make e N2N, facilitam a conexão entre agentes de IA e outras aplicações. Elas permitem que os usuários configurem fluxos de trabalho sem precisar escrever código.

  • constituir
  • N2N
  • Zapier

Aplicações Práticas

Os agentes de IA podem ser integrados em uma variedade de aplicações, desde chatbots em redes sociais até sistemas de automação empresarial.

  • Chatbots no WhatsApp
  • Automação de marketing
  • Sistemas de atendimento ao cliente

No-Code Start-Up

Accede a nuestro canal

Más artículos de blog sobre empresas emergentes sin código:

Complementos premium de WordPress
es_ESES